Mergulhadores que estavam navegando pela costa do México perceberam que uma tartaruga marinha estava presa a redes pelas suas nadadeiras, Cameron Dietrich e Colin Sutton então, saltaram na água para socorrer o animal que estava cansado e parecendo pedir ajuda. Depois de salva, em vez de ir embora, a tartaruga veio em direção ao mergulhador,  num gesto que parecia de agradecimento:

Nitidamente cansada e ferida com a nadadeira quase sem movimentos a tartaruga deu meia volta e parou de frente ao mergulhador, em um gesto de agradecimento pela ajuda.

O WWF aponta que as redes de pesca são uma das maiores ameaças para as tartarugas marinhas no mundo todo. Quem sabe se nos inspiramos em Cameron e Colin, e poderemos assim ter um mundo melhor.